“Sucesso!”, um voto contraditório


É curioso, mas ‘sucesso’ têm significados ambíguos.

Fomos ensinados desde crianças (e hoje assim ensinamos às nossas) que, em certas ocasiões, é educado e polido desejar sucesso a uma pessoa da qual gostamos, tal como a nós mesmos. No Brasil, sucesso parece significar unicamente “êxito, glória, triunfo”. Mas, de fato, não é bem assim. Basta consultarmos um bom dicionário.

No entanto, em muitos países latino-americanos, inclusive no Brasil, também significa ganhar dinheiro fácil, a rodo, de preferência apenas movendo palhas de trigo entre os dedos. Esse é o sucesso buscado no ambiente escuso da política, um verdadeiro desastre que assistimos para suas sociedades.

Campos de trigo

Campos de trigo

Passamos boa parte da madrugada pesquisando os significados do substantivo masculino Sucesso. Ficamos surpresos com as incríveis variações que descobrimos, em países de língua portuguesa e até regionalmente. Em síntese, encontramos o seguinte:

1. Aquilo que sucede ou sucedeu; acidente, acontecimento, fato. 2. Resultado bom ou mau de um negócio. 3. Conclusão. 4. Êxito, resultado feliz, triunfo. 5. Reg. (Port.) O mesmo que parto. 6. Reg. (Bras. Nordeste e Minas Gerais) Desastre: Morreu de sucesso.”

É tão disparatada e ambígua a noção do que seja sucesso, que a Cia. Souza Cruz, nas décadas de 1970 e 80, fez uma campanha publicitária na televisão brasileira, intitulada “Isto é Hollywood, o Sucesso!”. Essa campanha ficou famosa, não pelas vendas do cigarro (desastre), mas pelo lançamento de inúmeras músicas norte-americanas que explodiram no Brasil. Como exemplo, ouçam While you see a chance. Os mais antigos haverão de lembrar.

A propósito, queremos registrar nossos mais sinceros agradecimentos aos inúmeros “votos de sucesso” que recebemos pelo lançamento do e-book. Demorou, mais saiu, como em um parto delicado. Porém, diante dos diversos significados contraditórios dessa palavra, inclusive morreu de sucesso, preferimos receber apenas votos de boa sorte; sem dúvida, são carinhos de mão única.