Como conhecer o habitat dos humanos


Em todos os estudos ambientais é necessário conhecer o habitat do ser humano, de forma a compreender como ele altera e afeta o ambiente dos animais. Em uma linguagem mais técnica costumamos dizer: “diagnosticar o Espaço Antropogênico e analisar as alterações e impactos, adversos e benéficos, que promove nos Espaços Físico e Biótico”.

Podemos afirmar que existem práticas ambientais, notórias pelo uso com sucesso, que são capazes de atenuar – ou mesmo anular – muitas das alterações e impactos adversos que a apropriação do solo realizada pelo ser humano “impõe” aos espaços que não são de sua exclusiva propriedade.

Curitiba recebeu boas práticas ambientais

A prática reconhecida

Para melhorar nosso entendimento, devemos organizar o habitat humano (Espaço Antropogênico) em diversas partes (Segmentos Ambientais), a saber:

  • Aspectos demográficos;
  • Aspectos econômicos;
  • Infraestrutura e serviços sociais;
  • Aspectos da organização social;
  • Patrimônio regional.

Há outros segmentos que podem ser necessários aos estudos ambientais, mas estes são os básicos para diagnosticar o habitat humano da área de interesse. Vamos fazer uma breve apresentação acerca do que deve ser caracterizado em cada segmento.

Aspectos demográficos

Caracterizamos os seguintes indicadores demográficos: número de habitantes; número de habitantes por domicílio, sexo e faixa etária; taxa de natalidade; taxa de mortalidade infantil; população economicamente ativa;  e expectativa de vida.

Aspectos econômicos

Caracterizamos as principais atividades econômicas realizadas na área de interesse, envolvendo agricultura, pecuária, extração mineral, indústria, comércio e serviços.

Infraestrutura e serviços sociais

Caracterizamos os equipamentos viários, rodoviários, ferroviários, aeroportuários, transporte marítimo (para carga e passageiros), de saneamento básico e de resíduos sólidos.

Caracterizamos também os serviços sociais disponíveis, envolvendo habitação, educação, saúde, serviços hospitalares, segurança, meios de comunicação, cultura e lazer.

A casa, com foto de H Hugh Miller Photography.

Aspectos da organização social

Agora, caracterizamos as instituições que demonstram a estrutura da sociedade local, envolvendo universidades, associações de moradores, ONG, partidos políticos, sindicatos, clubes, igrejas, templos e outros.

Patrimônio público

Ao fim, caracterizamos os sítios arqueológicos encontrados, os sítios históricos, os de interesse científico e de interesse paisagístico, sobretudo pela grandeza de sua vegetação.

Harvard University

Vulnerabilidades e potencialidades

Com base nestas caraterizações é hora de sabermos onde a área dos estudos é mais frágil ou mais resistente. Assim, estabelecemos suas vulnerabilidades e potencialidades ambientais.

As vulnerabilidades são identificadas através da caracterização das parcelas da área de interesse mais sensíveis às transformações ambientais, dados seu relevo, seu clima, seus solos, seus recursos hídricos, seus biomas e suas comunidades da fauna, face à presença do habitat humano.

O lago, foto H Hugh Miller Photography.

As potencialidades são identificadas através da caracterização das parcelas da área mais resistentes às transformações ambientais, em função de seu relevo, de seu clima, de seus solos, de seus recursos hídricos, de seus biomas e de suas comunidades da fauna, face à presença do habitat humano.

Mapeamentos

Alguns mapas precisam ser elaborados, representando a síntese visual do habitat humano, segundo seus segmentos que possuam efetiva expressão geográfica. As cartas que melhor representam o espaço antropogênico são as seguintes:

  • Uso e ocupação do solo;
  • Principais aglomerações populacionais;
  • Infraestrutura;
  • Patrimônio público.

Identificação dos impactos ambientais

Por fim, identificamos e caracterizamos os impactos ambientais, adversos e benéficos, ocorrentes na área de interesse, apresentando como são seus processos atuais, suas áreas de manifestação seus possíveis efeitos e seus motivos, ou seja, porque estão ocorrendo.

Quando for possível, é importante produzir uma boa documentação visual dos impactos.

Impacto antropogênico (e físico) no subúrbio de uma cidade

Para conhecer o habitat do ser humano normalmente precisamos de uma boa equipe de  profissionais em demografia, economia, engenharia, antropologia, sociologia e arqueologia.

Um diagnóstico bem feito do Habitat Humano é garantia de que as polêmicas levantadas em audiências públicas para apresentar o estudo serão com uma linda imagem do sol poente, diferente da noite ameaçadora dos menos esclarecidos.

A noite dos menos esclarecidos, foto H Hugh Miller Photography.

Aguarde nossa resposta...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s